Imprimir  Voltar  Home 


  Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior - ANDES-SN


Data: 01/07/2014

 Médicos do HU da UFPI fazem nova paralisação por reajuste salarial

Sem chegar a nenhum acordo com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), os médicos que atendem no Hospital Universitário da UFPI reivindicam que seja pago o piso salarial da categoria. Iniciada na segunda-feira (30), a paralisação segue até o próximo sábado (5). A decisão foi tomada em assembleia realizada no dia 24 de junho.

Esta é a terceira greve deste ano. Além de reivindicarem o reajuste salarial, os médicos também querem melhores condições de trabalho. “Os profissionais de saúde que atuam no HU recebem o inferior ao que é pago aos profissionais do município e ao piso nacional. E nós não podemos aceitar isso”, afirma Marx Araújo, neurologista do HU. A categoria afirma ainda que há mais de um ano nenhum reajuste foi oferecido aos médicos, e a Direção da Empresa segue sem estabelecer nenhum acordo com o Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí.

Apenas a UTI e os atendimentos de urgência permanecerão em funcionamento. “A paralisação progressiva é uma forma de alertar sobre uma possível greve por tempo indeterminado. Caso, não haja nenhuma resposta da Ebserh poderá haver a possibilidade de demissão coletiva”, finaliza Araújo.

* Com informações do Portal AZ e G1






 


Fonte: ANDES-SN


+3
|
0
| Denunciar

0 comentários | 1221 visualizações | 3 avaliações

Comentar esta notícia