Imprimir  Voltar  Home 


  Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior - ANDES-SN


Data: 03/12/2018

Docentes das universidades estaduais da Bahia denunciam governo estadual à OIT

Representantes do Fórum das ADs na Bahia protocolaram nesta segunda-feira (3) uma reclamação contra o governo do estado na Organização Internacional do Trabalho (OIT), em Brasília (DF). O Fórum reúne representação das quatro seções sindicais do ANDES-SN nas universidades estaduais da Bahia (Uneb, Uesc, Uesb e Uefs).

Nos últimos anos, o governador Rui Costa (PT) não tem cumprido determinações judiciais referentes aos direitos dos docentes. Nem mesmo resoluções das instituições de ensino superior tem sido respeitadas pelo governador. Os docentes têm sofrido uma série de ataques e condutas ilegais. Entre eles, a alteração de carga horária docente, a retirada dos ônibus dos professores da Uefs, ofertada pela instituição, e o corte no auxílio transporte dos docentes da Uneb. Outro ataque diz respeito à suspensão do pagamento do adicional insalubridade para professores que trabalham em laboratórios, hospitais, por exemplo, desenvolvendo trabalhos de pesquisa, ensino e extensão. O assédio aos professores para aderirem ao PrevBahia e o congelamento dos salários integram a lista de ataques. Segundo o Dieese, a gestão Rui Costa impôs a maior perda salarial dos últimos 20 anos aos docentes das universidades do estado.

“A denúncia tem um papel de explicitar a sociedade o que vem ocorrendo e, ao mesmo tempo, exigir que seja aberto um canal de diálogo. Concretamente não está havendo negociação diante dos pontos que colocamos. Ganhamos na justiça, mesmo assim o governador insiste em não cumprir a decisão. Diante disso, o recurso que encontramos nesse momento foi a de denunciar a situação a OIT, que tem demonstrado internacionalmente a sua atuação no sentido de chamar a atenção dos patrões quanto ao cumprimento dos acordos coletivos firmados. É necessário que o governador volte a dialogar concretamente com a categoria e com os trabalhadores da educação”, diz Marcos Tavares, diretor da Associação dos Docentes da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Adusb-Seção Sindical do ANDES-SN).

Estiveram presentes no momento do protocolo, Gean Santana, da Associação dos Docentes da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), e Roberto Kanitz, 3º secretário do ANDES-SN.

OIT

Fundada em 1919, a OIT é um órgão vinculado às Nações Unidas (ONU) e responsável pela formulação e aplicação das normas internacionais do trabalho.

Confira aqui o documento entregue a OIT


Fonte: ANDES-SN


+2
|
0
| Denunciar

0 comentários | 164 visualizações | 2 avaliações

Comentar esta notícia